Escalas Cartográficas:

(Fonte: http://geoconceicao.blogspot.com)




ESCALA

É a relação matemática entre o comprimento ou distância figurada no mapa e a superfície real da superfície representada. Há duas modalidades de escala: a numérica e a gráfica.

A ESCALA NUMÉRICA : se representa por uma fração ordinária (como 1/1.000.000) ou de uma razão matemática (1:1.000.000). O número 1 significa a unidade no mapa (1 cm) e o número 1.000.000 o tamanho real (1.000.000 de cm, ou seja 10 km)... para tal conversão é preciso saber converter cm em metro e este em km.

OBSERVE A IMAGEM

Quanto menor for o segundo número, no caso o denominador da fração ordinária, maior será a escala; e vice-versa. Assim as escalas inferiores a 100.000 são consideradas grandes; quanto superiores a 500.000, são pequenas.

Quanto maior a escala mais detalhada é a carta geográfica. Assim, as plantas (ou cartas cadastrais) se fazem com escalas entre 1/500 e 1/20.000. Os mapas topográficos têm escalas entre 1/25.000 e 1/250.000, que são escalas médias; estes mapas são conceituados como de informação oficial. O governo brasileiro, através do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e da Diretoria do Serviço Geográfico do Exército, além dos institutos cartográficos estaduais, adotam esse tipo de mapa, o topográfico.



A ESCALA GRÁFICA é representada sob a forma de um segmento de reta graduado em km. É dividida em partes iguais indicativas da quilometragem; a primeira parte (chamada de talão ou escala fracionária) é seccionada de tal modo a permitir uma avaliação mais precisa das distâncias ou tamanhos no mapa. Essa escala gráfica facilita de maneira mais prática o cálculo dessas distâncias. Para mudar essa escala gráfica em numérica é simples:
1 cm = 10 km no mapa (ou 1.000.000 cm), daí a escala numérica vai ser 1: 1.000.000 ou 1/1.000.000.
Conforme dito acima, para se confeccionar um mapa de uma certa área geográfica, devemos pegar a dimensão real no terreno e reduzi-la para colocá-la no mapa. Para este trabalho devemos usar uma escala, que irá estabelecer uma proporção entre as dimensões apresentadas no mapa e as reais (no terreno)

2. Principais tipos de escalas


a) NUMÉRICA

gravura I Vejamos a figura 1: Foi usada a escala 1:30.000.000 , que indica que a cada 1cm no mapa, temos no terreno (real) 30.000.000 cm (= 300km).

Assim, entre Brasília e Rio de Janeiro, no mapa, temos 3 cm e no terreno é de 90.000.000 cm (= 900 km). Entre Brasília e Florianópolis há uma distância, no mapa, de aproximadamente 4 cm e no terreno é de 120.000.000 cm (= 1.200 km).
Podemos dizer que o tamanho real foi reduzido 30.000.000 vezes para ser colocado no mapa. Assim, podemos concluir que o denominador da escala numérica informa quantas vezes o tamanho real foi reduzido para ser colocado na folha de papel (o mapa).

b) GRÁFICA

Vejamos a gravura II e III:
Na gravura II, a escala pode ser lida da seguinte forma: a cada 1 cm no mapa temos 100 km no mapa. Se a distância, no mapa, de Natal para Fernando de Noronha é de 2,5 cm, consequentemente são lugares separados por 250 km no terreno. Na gravura III , a escala afirma que 1 cm no mapa eqüivale a 1 km no terreno. A distância dos locais "A" e "B" na Ilha de Fernando de Noronha é de 5,5 cm (no mapa), então no terreno será de 5,5 km.
3. Procedimento para saber quantas vezes o tamanho real foi reduzido no mapa através de uma escala gráfica - basta transformar para uma escala numérica.
Vejamos a gravura II: A escala gráfica afirma que 1 cm (mapa) = 100 km (terreno). Transformando para escala numérica, vamos ter 1:10.000.000.Assim, o tamanho real foi reduzido 10.000.000 vezes ao ser representado no mapa. 4. Relação entre denominador, escala e riqueza de detalhes (informações). Transformando as escalas das gravuras II e III para numéricas, temos:

5. Como ampliar o mapa? Para ampliar o mapa deve-se aumentar a riqueza de detalhes. Assim, devemos proceder da seguinte forma: Diminuir o denominador ---> Aumentar a escala Ex: Num mapa de escala 1: 100.000, queremos ampliar o mapa 5 vezes. Devemos usar a escala 1: 20.000.



TAREFA :
1- QUAL A DIFERENÇA ENTRE A ESCALA NUMÉRICA E A ESCALA GRÁFICA?
2-PARA QUE SERVEM AS ESCALAS ?
3-QUAIS SÃO OS MÚLTIPLOS E SUBMÚLTIPLOS DO METRO ?


Referências Bibliográficas :
www.geoconceicao.blogspot.com
sempreaaprender.com/viewpage.php?page_id=15 -

educacao.uol.com.br/geografia/ult1701u49.jhtm -
mundogeografico.sites.uol.com.br/carto05.htm -
www.ufrgs.br/destec/destec-livro/paginas/7.htm -



Modelo spyka webmaster você pode baixar em Just Free Templates.

Site hospedado por www.000webhost.com